Um passeio pelas ilhas gregas, começando por Mykonos

De TUDO QUE VI em Mykonos, o alto astral é uma marca dessa ilha, sempre agitada, com muitas praias, bares e boates.
Ao deixar o porto de Pireus, em Atenas, e seguir para um giro pelas ilhas, logo na primeira escala encontramos um cenário típico do imaginário: construções brancas com portas e janelas azuis e um mar de água clara. Isso sim é a Grécia que queríamos ver.

 Entre as ilhas que escolhemos, Mykonos foi a primeira. Mykonos é agitação, Creta é história e é bem grande, tem ainda Delos, Paros e muitas outras. Mykonos e Santorini estão no roteiro das ilhas Cyclades.

LEIA TAMBÉM
O que fazer em Mykonos
Onde [...]

Onde ficar em Mykonos

Em Mykonos, há todo tipo de acomodação, de resorts até hotéis simples e pequenos. Escolhemos o meio termo, Damianos Hotel, e foi muito bom (€ 80, com café e transfer in/out incluído). Os donos estão sempre por perto, dispostos a dar informações e facilitar a vida do hóspede. Esse hotel fica numa parte alta da ilha, com uma vista espetacular. Da piscina, onde revigoramos as energias degustando um espumante no fim da tarde, a vista para o pôr do sol é um espetáculo. Lúcia não perde uma foto desses momentos. Do local do café da manhã, a vista para o mar é um convite para sair e conhecer o [...]

O que fazer em Mykonos

Mykonos é relativamente grande, mas percorremos quase toda a ilha a bordo da scooter, a pequena moto que alugamos. Chora (ou Downtown) é a capital da ilha, onde ficam várias atrações. As ruas são estreitas, com muitas lojas, bares, boates, restaurantes e pontos históricos, principalmente moinhos e igrejinhas. Na maioria dessas ruas não passa carro ou moto. À beira mar é muito agradável, tanto no cais quanto em Little Venice, que como diz o nome guarda certa semelhança com a Veneza Italiana. Há muitas joalherias e lojas de artesanato.

No cais revitalizado do centro antigo o restaurante Kaogéva oferece massas e frutos do mar, embora com tempero mais forte com [...]

Santorini: praia, paz e romance

De TUDO QUE VI em Santorini, o sol é um espetáculo à parte, quando nasce e quando se pôe. Além disso, os cenários são quase indescritíveis.

Fomos à Grécia comemorar aniversário de casamento. Santorini fez parte de um roteiro que incluiu uma visita à Itália e outras cidades da Grécia, inclusive Atenas.
Santorini é uma ilha apaixonante, um lugar com menos agito, mas tem as suas áreas de badalação. Ou seja, agrada a muitos gostos e o sol oferece grandes espetáculos. Lúcia adora pôr do sol, mas dessa vez acordou cedo para ver, também, o sol nascer e fotografar muito.

Ficamos hospedados numa região onde a ilha é bem estreita e [...]

O que fazer em Santorini

Santorini tem muitos pontos históricos (que não foram destruídos pela erupção do vulcão de 1956) e até uma abadia no ponto mais alto da ilha. Aliás, do alto é possível ter uma dimensão da ilha e ver muitos parreirais. A produção de uva parece ser alta. Mas Creta lidera a produção de vinho, principalmente brancos.

Nessa parte alta da ilha há vários passeios interessantes, nada ligado ao mar ou às praias.
Em Santorini há muitos pontos de mergulho, passeios de barco com ou sem refeição – com e sem parada para banho. O vulcão é uma das principais atrações. Pegamos o teleférico para descer até o porto antigo, onde embarcamos [...]

Descobrindo a Grécia, começando por Atenas

De TUDO QUE VI em Atenas, a Acrópole é realmente impressionante. Parte da história da humanidade diante dos olhos. Como fica no alto de uma colina, é vista de longe. A cidade e o país, entretanto, têm muito mais a oferecer.
A Grécia é um país surpreendente para os brasileiros, porque foge do passeio tradicional na Europa. Quem não foi, deve acrescentar esse destino à lista de viagens. A sua capital Atenas é incluída em roteiros para rápidas passagens na parada dos navios ou como escala antes de ir para as famosas ilhas gregas. Claro que fica difícil competir com o imaginário grego das ilhas de paredes brancas nas [...]

O que fazer em Atenas

A Acrópole é a grande atração de Atenas (leia sobre a visita à Acrópole), mas há muito o que fazer além dessa visita. A começar pela sua vizinhança. Na subida e na descida há bastante restaurantes e lojas, tanto de produtos locais, quando de itens variados e até marcas internacionais. Na saída da visita, uma ótima pedida é aproveitar um entre inúmeros bares e cafés, com vista para esse monumento magnífico.
Provar a culinária local é uma experiência rica (leia mais sobre a comida local). Na saída da Ágora Antiga, entramos em ruelas por trás das movimentadas ruas de Monastiraki, há pracinhas para compras ou lanches e refeições. Lugares [...]

A visita à Acrópole em Atenas

Se estiver hospedado numa região central de Atenas, até chegar à Acrópole o melhor é ir andando e sem pressa, aproveitando para apreciar a cidade. Se estiver distante, o metrô é uma boa opção.
A última entrada é às 17h. Na época de calor, ir pela manhã garante mais tempo para a visita, mas à tarde, depois das 14h, é mais agradável. O caminho tem ruas estreitas, subidas e praças com restaurantes e muitas lojinhas. Irresistível não fazer algumas paradinhas. Isso ajuda a recuperar o fôlego. É recomendável usar chapéu, protetor solar e levar água.
O ingresso para a Acrópole custa € 12. Prepare-se para mais subidas. Nada que [...]

Hospedagem em Atenas

O ideal é reservar um hotel nas proximidades da Praça Syntagma, no bairro Plaka. É central em relação às atrações e ao transporte, e dá para fazer muita coisa a pé (lojas, restaurantes, bancos, agências de viagens).

Perto da Acrópole há outras duas estações do metrô e também há hoteis. Essas estações são Monastiraki (comércio tradicional e turístico forte) e Thissio (bairro charmoso, com muitos hotéis, bares, restaurantes e uma vista linda a partir de todos os cafés). Nesse bairro, a rua Apostolou Pavlou circula a parte baixa da Acrópole desde o templo de Zeus Olímpio e o Arco de Adriano (que podem ser vistos também da Acrópole).
Perto da [...]

Dica de comida em Atenas

Na rua Adrianou, antes e depois das ruínas do Fórum Romano, há lojas e restaurantes com vista e boas opções. Quem não quer se arriscar na comida temperada com cebola, tomate e pimentão, um azeite maravilhoso e um pouco de pimenta, pode pedir para tirar uma parte dos temperos ou optar pelo menu italiano. Isso não falta. Mas, estando na Grécia é o momento de experimentar outras iguarias locais, tais como Mousaka (um tipo de lasanha que tem batata na base, berinjela, carne moída e molho branco), lamb com pasta grega (cordeiro em molho escuro com um tipo de massa que parece arroz) e fava como aperitivo (feijão branco [...]

Para as ilhas gregas de barco ou de avião

Para algumas ilhas é possível ir de avião, até mesmo direto de algumas cidades da Europa. Mas a parada em Atenas vale muito, pela importância histórica da capital grega.
De barco, a partida é do porto de Pireus. Para chegar ao porto, o metrô é uma boa alternativa. De Syntagma (baldeação em Monastiraki) leva 20 minutos. Mas como os barcos têm hora marcada não dá para brincar em serviço: para ir às ilhas gregas sem um pacote, é preciso comprar a passagem do barco um ou dois dias antes (€ 30 sem lugar marcado, na econômica e pode chegar a € 50 se for expresso) em agências na cidade. [...]


free vector